Vídeos tutoriais fazem muito sucesso na Internet. Hoje, conseguimos aprender sobre diversos assuntos acessando plataformas de vídeo, como o YouTube. Basta digitar a palavra-chave e escolher uma das opções.

Até pouco tempo atrás, quando não tínhamos Internet banda larga e a tecnologia digital ainda estava engatinhando, precisávamos buscar conteúdos informativos em livros ou artigos nos poucos sites disponíveis na web. Bastou surgir meios que permitissem a reprodução de materiais audiovisuais para mudarmos nosso comportamento. Afinal, os vídeos conseguem ser mais didáticos e atraentes que textos longos.

Quer descobrir os principais motivos para utilizar vídeos tutoriais em sua estratégia de marketing? Continue lendo e confira nossa lista!

1. Aumenta o alcance orgânico

Os tutoriais costumam atrair mais pessoas de forma orgânica. Dificilmente alguém pesquisa e acessa um conteúdo puramente publicitário. No entanto, os vídeos explicativos costumam ter muita procura pelos usuários.

Seja no Google ou YouTube, os consumidores estão sempre atrás de informações. Então, para alcançá-los de modo efetivo, você deve pesquisar as melhores palavras-chave relacionadas ao seu segmento e trabalhar em cima delas. Se você tem uma loja de acessórios para smartphones e nota que a busca por “como trocar a película do celular” é grande, é indicado que você produza um tutorial com esse tema.

Conforme as pessoas vão assistindo, comentando e compartilhando, suas chances de ser encontrado aumentam. Isso acontece porque os mecanismos de buscas levam em consideração, entre outros fatores, o engajamento do público e número de acessos para fazer o ranqueamento dos conteúdos.

2. Desperta o interesse nos consumidores

Quando adquirimos um produto, o ideal é lermos o manual de instruções antes de utilizá-lo. Dessa forma, há menos riscos dele apresentar defeito devido ao manuseio inadequado. Contudo, poucas pessoas têm esse hábito.

Os manuais de instruções costumam ser longos e cansativos. Sem contar que nem sempre é fácil entendermos todos os detalhes dos procedimentos para executar uma simples ação, mesmo com as gravuras. Já os vídeos tutoriais, conseguem desempenhar esse papel com maestria.

Se você oferece duas opções ao consumidor, ler um texto ou assistir a um vídeo, é provável que ele fique com a segunda opção. Nas redes sociais, por exemplo, nota-se que os conteúdos audiovisuais recebem mais visualizações e interações que outros formatos. Logo, esse é o caminho mais indicado para chamar a atenção do público.

3. Melhora o engajamento

Os espectadores sentem-se gratos quando recebem um conteúdo educativo. Sendo assim, eles curtem o seu vídeo, compartilham, deixam um depoimento etc. Mesmo sabendo que é a marca que está promovendo o material, os consumidores não se importam desde que o conteúdo seja de qualidade.

Dificilmente encontramos outro modelo que proporciona tanta interação quanto esse. O campo de comentários desse tipo de vídeo, normalmente, transforma-se em uma espécie de fórum, onde muitas pessoas também dão suas dicas e tiram dúvidas.  

O engajamento, além de auxiliar que o seu vídeo fique bem posicionado nos mecanismos de busca, causa uma boa impressão e atinge até mesmo aqueles que não seguem a empresa em qualquer mídia.  

4. Facilita o entendimento

Hoje, sobretudo devido à popularização dos cursos online, o vídeo com caráter educativo está em alta. O principal motivo é que esse tipo de material conta com diversos recursos audiovisuais que auxiliam o entendimento por parte dos espectadores.

Se você narra para um cliente como determinada máquina funciona, é provável que ele não consiga visualizar exatamente o processo e fique com diversas dúvidas. No entanto, ao adicionar uma animação enquanto é feita a narração, não é necessário muito esforço para entender todos os detalhes.  

5. Proporciona autoridade

Vamos supor que você tenha uma escola de idiomas e lança uma série de vídeos com dicas de inglês. Ao longo do tempo, cada vez mais pessoas começam a acompanhar essa série e, consequentemente, você se torna autoridade no assunto.

Ao construir essa imagem de especialista, aqueles que acompanham seus materiais com certa frequência, quando decidirem dar um passo a mais e ingressar em um curso, vão considerar a sua escola como a primeira opção.

Existem muitos profissionais que se tornaram conhecidos no mercado após criar conteúdos educativos que se tornaram virais na Internet. Não é raro encontrar alguém que começou um negócio de sucesso, somente depois de ganhar notoriedade nas mídias sociais. Quando uma pessoa ou empresa vira referência no segmento, consegue publicidade espontânea.   

6. Auxilia no processo de decisão

Os vídeos podem ser implementados em todas as etapas do funil de vendas. É possível utilizá-los tanto para atrair o público-alvo quanto para convertê-lo em lead ou cliente.  

Com tantas informações disponíveis na web, ninguém mais faz compras às cegas. Os consumidores querem saber como funciona o produto ou serviço antes de bater o martelo. Ao incluir vídeos tutoriais em sua página de vendas, por exemplo, o consumidor se sente mais seguro em adquirir a mercadoria.

Você pode também divulgá-los em outros canais para acelerar o processo de compra, como o e-mail. Para isso, você deve fazer a segmentação da sua lista de contatos, selecionando os usuários que estão em um estágio mais avançado no funil.

7. Aumenta a taxa de ativação

Muita gente adquire um produto ou serviço sem conhecer todo o seu potencial. Essa prática é bastante comum, especialmente, em relação ao uso de softwares e aplicativos. Dessa forma, o usuário tem a falsa sensação que a compra não foi vantajosa e deixa de usar o objeto.

Sendo assim, quando o consumidor é educado sobre a utilização do produto após assistir a um material didático, ele passa a tirar proveito da maneira correta. Então, o objeto deixa de ser útil em alguns casos e torna-se indispensável ao cliente.  

8. Diminui o número de reclamações

Outra prática corriqueira no mundo dos negócios é receber ligações de clientes reclamando que produto apresentou um defeito, quando, na verdade, isso só ocorreu porque ele foi mal utilizado. Como resultado, o usuário que não tem direito à troca, divulga sua frustração em sites de reclamação e nas redes sociais, o que prejudica a imagem da empresa.

Além de preservar a sua marca, com o auxílio dos vídeos tutoriais, você consegue desafogar os setores de atendimento ao cliente e assistência técnica. O prejuízo com devoluções também diminui consideravelmente.  

Como você pôde perceber, os vídeos tutoriais possuem diversas funções e oferecem diferentes benefícios. Entretanto, eles devem ser elaborados de maneira estratégica para que os resultados apareçam. Não existe uma fórmula coringa que funciona para todas as situações. Logo, o ideal é contar com a ajuda de uma produtora com experiência no ramo para que o seu esforço não seja em vão.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco e converse com um dos nossos especialistas. Teremos o maior prazer em ajudá-lo!